<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=124432238231600&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">

Blog Tuiuti

Saúde bovina: entenda a importância para o mercado brasileiro!

Postado por Yuri Kepler on 25-07-2018 9:00

Com uma ótima recuperação diante da crise econômica e puxando o PIB brasileiro para a retomada do crescimento, a pecuária bovina representa um dos pilares da economia nacional ao ser autossuficiente e ainda uma das maiores exportadoras do mundo.

Para auxiliar esse setor a crescer cada vez mais, são necessários profissionais especializados em saúde bovina, melhorando a qualidade do nosso rebanho para atender aos padrões internacionais de qualidade.

Continue a leitura e entenda mais sobre o assunto e os impactos que o profissional de saúde bovina tem sobre o mercado!

saúde bovina

Qual é a importância da produção de carne para o PIB brasileiro?

O setor de pecuária hoje é um dos maiores exportadores nacionais, com 40% do total de produtos brasileiros enviados para outros países, respondendo por 33% da produção do Brasil. Nesse contexto, a pecuária bovina de corte é um dos carros-chefes, figurando como o maior Produto Interno Bruto entre as cinco cadeias produtivas do agronegócio brasileiro.

O Brasil é, hoje, um dos principais exportadores de carne bovina do mundo, segundo a Embrapa. Comercializa a produção para mais de 150 países — com perspectivas sólidas de expandir a exportação para mais compradores, como o Japão.

Nossa produção movimenta cerca de 1,11 bilhão de dólares, o que representa 6% do Produto Interno Bruto (PIB) ou 30% do PIB do Agronegócio. Além disso, o nosso país é praticamente autossuficiente na produção da própria carne bovina: cerca de 80% do que é consumido pelos brasileiros é produzido no Brasil.

Mesmo com a crise, o setor apresentou ótima recuperação: em 2017 o abate aumentou em 3,8%, chegando a 30,83 milhões de cabeças.

Como o especialista na saúde dos animais atua nesse cenário?

Segundo a Embrapa, a pecuária brasileira passou por uma revolução tecnológica nos últimos 40 anos, o que fez com que seu rebanho se tornasse um dos mais competitivos do mundo.

Na chave dessa mudança estão a instauração dos pilares de uma produção pecuária de qualidade e dentro dos padrões internacionais:

  • cuidados com a saúde bovina;
  • nutrição de bovinos adequada;
  • reprodução de bovinos aliada a técnicas de melhoramento genético;
  • boas técnicas de manejo animal, transporte e abate;
  • rastreabilidade de toda a produção.

Auxiliando todos esses processos, está o profissional especializado em saúde bovina, atualizado com as principais tecnologias da área, apto para coordenar projetos que visam às melhores práticas e com conhecimento necessário para atuar no bem-estar, qualidade e saúde do rebanho.

A graduação em medicina veterinária ou zootecnia é um dos primeiros passos, sendo fundamental também uma pós-graduação que prepare o profissional para os desafios específicos desse mercado, além de capacitá-lo para atuar junto ao produtor, melhorando o gado em cada etapa, incluindo saúde, nutrição e reprodução de bovinos.

Como você viu, a pecuária é um setor promissor, com grande relevância para a economia nacional, e a necessidade da atuação de um profissional qualificado para atender às exigências dos países importadores.

Quer atuar nesse mercado fundamental para o PIB brasileiro e com ótimas perspectivas de crescimento? Confira agora mesmo a especialização em Clínica Médica, Nutrição e Reprodução de Bovinos na Universidade Tuiuti do Paraná!

Nova call-to-action
Yuri Kepler

Escrito por Yuri Kepler

Universidade Tuiuti do Paraná

Topics: Bovinos

Blog_01
Blog_01-1
Clique aqui e inscreva-se agora mesmo!

Assinatura de e-mail de blog

  

Posts por Tópico

Veja todos

Posts Recentes