<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=124432238231600&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">

Blog Tuiuti

Pública ou particular: prós e contras de cada tipo de universidade

Postado por João Marcos on 04-07-2017 16:13

Está ansioso para passar no vestibular, mas ainda não decidiu se vai cursar uma universidade pública ou uma universidade particular? Essa é uma dúvida comum entre os estudantes que estão próximos de escolher um curso de graduação, afinal, existem vantagens e desvantagens em cada instituição. Neste post, você descobre os prós e contras de cada uma. Vamos nessa?

shutterstock_337964138.jpg

Universidade Pública: como escolher?

No que diz respeito à organização administrativa, as universidades públicas podem ser divididas em três tipos: federal, estadual e municipal. A única diferença entre elas recai sobre quem as cria e as mantêm, evidenciadas pela própria nomenclatura.

O primeiro ponto a seu favor é a gratuidade, ou seja, não há mensalidades ou taxas de matrícula. Você pode se perguntar: mas como a universidade consegue funcionar? Assim como qualquer outro serviço público, as universidades que assim se organizam são financiadas pelos impostos pagos pelos cidadãos brasileiros.

O segundo ponto positivo é o prestígio social. Algumas instituições de ensino superior têm sua imagem positivada no mercado de trabalho, como é o caso da Universidade de São Paulo (USP). Isso por si só poderá gerar inúmeras oportunidades profissionais para o egresso - mas não será suficiente para mantê-las abertas, caso não se mostre qualificado.

Os docentes concursados são o terceiro benefício. Graças à estabilidade profissional, os professores têm a possibilidade de dedicar-se exclusivamente à instituição, fomentando o conhecimento de maneira mais profunda e sensível.

 Entre as desvantagens da universidade pública está o vestibular, que é muito concorrido, com dezenas - e às vezes centenas - de candidatos por vaga. Outro contra é a localização dos campi, que são geralmente afastados dos centros urbanos, sem falar naquelas carreiras oferecidas exclusivamente em campus no interior dos estados.

Universidade Particular é coisa de rico?

Caminhando rumo à sua democratização, as universidades particulares investem em iniciativas como os financiamentos estudantis, que ajudam os alunos a pagar a faculdade sem entrar no vermelho.

Se você precisa conciliar trabalho e estudo, outro ponto positivo é escolher o campus. Em geral, por possuírem mais de uma unidade, o vestibulando tem flexibilidade na escolha de onde estudar.

A infraestrutura costuma ser melhor e mais atualizada, especialmente para os cursos voltados à tecnologia e saúde, onde o contato com recursos de ponta se faz necessário.

Dentre as desvantagens, há cobrança de mensalidades, taxas de matrícula (e rematrícula) e outros encargos, a depender da instituição. Esses gastos podem pesar muito na escolha de onde você vai estudar.

Afinal, qual escolher: pública ou particular?

Diversos fatores podem influenciar na sua escolha por fazer uma graduação em uma universidade pública ou particular: proximidade com sua casa ou trabalho; afinidade com a instituição; infraestrutura disponibilizada; acesso a bolsas de estudo e estágios; valor das mensalidades; entre muitos outros.

No momento da decisão, considere os elementos que apresentamos neste post e, principalmente, coloque em evidência seu desejo por um curso de qualidade.

Muitos alunos abrem mão da carreira que querem só para estudar em uma universidade pública, no entanto, não consideram os efeitos dessa escolha a longo prazo, como a insatisfação com a profissão.

Veja também : 5 coisas para fazer antes da inscrição no vestibular

Tem dúvidas sobre o Vestibular? 

Baixar Guia do Vestibulando Tuiuti

 

Gostou deste post? Que tal compartilhar ele com seus colegas?

 

João Marcos

Escrito por João Marcos

Topics: Vestibular

Blog_01
Blog_01-1
Clique aqui e inscreva-se agora mesmo!

Assinatura de e-mail de blog

  

Posts por Tópico

Veja todos

Posts Recentes