<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=124432238231600&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">

5 cursos superiores que demoram menos tempo para acabar - Tuiuti

Postado por João Almeida on 15-09-2022 17:07

Curso de graduação

Entre as mais diversas opções de cursos superiores oferecidas pelo mercado (e pela Tuiuti), esbarramos com cursos de maior ou menor duração. Já refletiu sobre isso?

Quando falamos em fazer uma faculdade, é inevitável não pensar no tempo que podemos demorar para cursar toda a graduação, não é verdade? Existem cursos de dois anos, quatro, cinco e até seis anos. E não é só isso, alguns cursos (como medicina) necessitam de uma experiência posterior à graduação, como a residência. 

Se você ainda não sabe, a carga horária de um curso de ensino superior é determinada não somente pelo curso em si, mas também pelo tipo de formação (tecnológico, bacharelado ou licenciatura). Quem define o tempo mínimo exigido para cada modalidade é o Ministério da Educação (o MEC). 

A duração mínima exigida é de 1.600 horas para cursos tecnológicos, 2.400 horas para cursos mais curtos de graduação e 7.200 horas para cursos mais longos. Para que você tenha uma noção em números do que essas horas significam, aqui vai a comparação de horas x anos:

  • 1.600 horas: 2 anos;
  • 2.400 horas: 3, 4 anos;
  • 2.700 horas: 3,5 ou 4 anos;
  • 3.000 a 3.200 horas: 4 anos;
  • 3.600 a 4.000 horas: 5 anos;
  • 7.200 horas: 6 anos. 

E a título de curiosidade, saiba que não existe diferença entre a carga horária exigida para o EaD, presencial ou semipresencial — o que faz total sentido, visto que os cursos são equivalentes em demandas e matriz curricular, mudando apenas a forma como as aulas e atividades são aplicadas. 

Dito isso, já deu para entender que, embora os cursos sejam diferentes, eles, necessariamente, precisam seguir as regras instituídas pelo MEC, certo? Agora, qual é a diferença entre esses cursos mais longos e mais curtos na prática? 

Qual é a diferença entre o técnico e a graduação? 

A diferença entre o curso técnico e a graduação (bacharel ou licenciatura) está, principalmente, na estrutura do curso. 

O tecnólogo é mais focado em atividades práticas para atender às demandas que o aumento dos índices de empregabilidade criaram no mercado de trabalho, visto que algumas áreas buscam profissionais com conhecimentos muito específicos, que são facilmente atendidos com um curso de menor duração. 

Já os cursos de graduação têm um foco maior em ensinar não somente a teoria mas também a prática, formando profissionais com um conhecimento mais amplo sobre a área a ser estudada, até porque, a licenciatura por exemplo, forma professores! Então, além de ter de conhecer mais coisas, ele precisa ter um conhecimento aprofundado sobre elas. 

Agora que você já conhece melhor os diferentes tipos de cursos e já sabe que o curso tecnólogo é uma forma mais rápida de começar a sua vida profissional, que tal conhecer uma pequena lista de cursos superiores de 2 anos de duração

Técnico em Desenho de Construção Civil

Um curso bastante procurado aqui na Tuiuti, o tecnólogo em desenho de construção civil é para aquelas pessoas que amam conhecer o processo de criação das coisas desde as fases iniciais. 

Nele, você aprende a projetar edificações de diferentes portes em conjunto com engenheiros e arquitetos, com o objetivo de desenvolver soluções que possam transformar a vida das pessoas, deixando os ambientes mais práticos e seguros. 

Ao sair desse curso, você terá habilidades para criar desenhos de projetos em 2 e 3 dimensões no computador e em maquetes físicas, bem como conhecimento para atuar no monitoramento de projetos de construção civil. 

Técnico em Enfermagem 

Cuidar de pessoas é um dom que, muitas vezes, está em nossos corações. E o profissional da enfermagem tem esse dom! O técnico em enfermagem contribui ativamente para a melhoria da qualidade de vida das pessoas. 

Esse curso permite que você tenha uma entrada mais rápida na enfermagem com conhecimento suficiente para atuar diretamente em ações de prevenção, recuperação e reabilitação de pacientes. 

Você também irá se desenvolver para atuar nas áreas de urgência e emergência, bem como nas unidades de tratamento intensivo, e tudo isso irá permitir que você seja um profissional capacitado para ajudar a transformar vidas! 

Veja também:

Ainda na área da saúde, o técnico em análises clínicas atua em atividades laboratoriais e de diagnósticos de segmentos, como parasitologia, imunologia e microbiologia. 

Com essa formação, você poderá atuar em laboratórios de análises clínicas, na implementação de novas tecnologias biomédicas e no controle da qualidade e gestão de laboratórios.

Trata-se de uma formação rápida que irá permitir que você atue diretamente com a identificação e prevenção de doenças!

Técnico em Segurança do trabalho 

Ainda falando em segurança, só que com um viés diferente, o profissional da segurança do trabalho é a pessoa que garante a segurança dos trabalhadores nos mais diversos ambientes. 

Como técnico, você poderá atuar diretamente na identificação dos fatores que podem provocar acidentes de trabalho, de doenças e de itens que possam ser agressivos para a segurança e saúde do trabalhador. 

Com esse conhecimento, você poderá orientar empresas a realizar os procedimentos adequados para oferecer um ambiente seguro e de acordo com as normas, além de promover programas, eventos e capacitações. 

Técnico em mecânica

Chegou a vez daqueles que gostam de entender o funcionamento de tudo em cada detalhe! Estamos falando do tecnólogo em mecânica.

Com uma visão detalhada sobre processos mecânicos, eletroeletrônicos e físico-químicos, esse profissional pode atuar em todas as fases do desenvolvimento de máquinas e equipamentos (desde a criação, até a implantação e manutenção). 

Ah, e o estudante também irá aprender o necessário para atuar com os mais distintos tipos e portes de maquinários (dos pequenos aos grandes), bem como no controle de qualidade dos processos relacionados à criação e manutenção dos maquinários. 

E então, qual curso tem mais a ver com você? Agora que você já conhece alguns cursos bem interessantes e com pouca duração, é só escolher a sua faculdade no Paraná e começar! 

Aproveite para conferir este post em que falamos um pouco mais sobre a parte financeira de começar uma graduação: Veja como começar a faculdade mesmo com pouco dinheiro.

Inscreva-se

Até a próxima!

João Almeida

Escrito por João Almeida

Topics: Cursos superiores

Vestibular Tuiuti 2022
Pós Graduação mestrado e doutorado
Pós Graduação Especialização
Clique aqui e inscreva-se agora mesmo!

Assinatura de e-mail de blog

  

Posts por Tópico

Veja todos

Posts Recentes